Carne de Sol arretada!

Carne de sol cozida no leite e frita na manteiga, acompanhada de carne de sol desfiada na nata, farofa de cuzcuz e arroz Maria Isabel.

Receita para 4 pessoas. Mas se você quiser, pode aumentar a proporção de todos os ingredientes e manter a quantidade de carne de sol, que é o ingrediente mais caro. Nas fotos eu fiz ½ receita.

Carne de Sol

Você vai precisar de cerca de 1,0 kg de carne de sol (a carne de sol você pode comprar pronta. Em breve farei um post sobre como comprar carne fresca e salgar).

Essa receita leva carne em tudo, então as porções não precisam ser muito grandes, recomendo pedaços finos como na foto acima pois a maioria das pessoas não consegue comer um pedaço muito grande de carne acompanhada dessa forma.

Pra começar,  cozinhe em panela de pressão 700gr de carne de sol em leite integral com 2 dentes de alho e uma pitada de pimenta do reino. Não precisa de sal, pois a carne já é salgada.

Depois de 25 minutos, retire da pressão.

A carne estará bem macia, e o leite estará separado (proteína e soro). Fica assim feio mesmo rsrsrs

Não jogue nada fora! Separe a nata da carne (se for preciso, lave a carne em agua corrente). Mantenha a panela do leite com o fogo aceso, pois queremos secar esse soro e aproveitar a nata, que vai ficar parecendo um doce-de-leite talhado:

A carne vai ficar assim depois de limpa:

Essa carne cozida no leite servirá para a carne desfiada com nata (250gr), para a farofa de cuzcuz (150gr)  e para fritar (300gr). Mas essas quantidades não precisam ser exatas. A dica é fatiar logo a carne para fritar. O que sobra você vai desfiar.

Carne desfiada na nata

Primeiro, transforme isso:

nisso:

E adicione à panela com o leite talhado.

Mexa até secar todo o soro, mas cuidado para não “fritar” a carne, ela vai ficar úmida e agregada aos pedacinhos de nata. Essa é a hora de experimentar e acertar o sal, se necessário.

Por fim, adicione uma lata de creme de leite com soro.

Mexa bem, com o fogo baixinho para não ferver.  O ideal é “machucar” bem a carne para ela desfiar mais um pouco e transferir o sabor para o creme de leite.

E pronto! Reserve tampado para não ressecar.

Arroz Maria Isabel

A receita original de Maria Isabel que conheço desde que era criança lá no Piauí, leva arroz, carne de sol bem seca e corante de urucum. A minha receita é um pouco diferente, mas mantém essa base.

Comece com as 300gr de carne ainda crua. O ponto dessa carne vai fazer diferença no sabor final do prato caso você tenha comprado uma carne mais seca ou menos seca. Mas a escolha é uma questão de gosto, faça das duas formas e depois me fale qual você gostou mais :-)

Corte a carne em cubinhos:

Corte também 1 cebola e ½ pimentão vermelho (pode ser pimentão verde ou amarelo, mas gosto mais do sabor e da cor do pimentão vermelho):

Em uma panela funda, refogue 2 dentes de alho amassados, a cebola picada e 4 colheres de azeite:

Até dourar:

Adicione o pimentão vermelho picado:

E a carne.

Aqui vai uma dica: Eu prefiro a carne mais tenra e suculenta, então adiciono ela por último. Se você quiser uma carne mais sequinha, escura e com sabor acentuado, frite primeiro os cubinhos de carne até ficar mais escuro e secos, e só depois adicione os outros ingredientes.

O meu ponto da carne é esse:

Agora o segredo! Os responsáveis pelo sabor desse prato são: 1 pimenta de cheiro sem sementes, ½ colher de sopa de corante de urucum e coentro e cebolinha picados.

Obs.: Em algumas regiões do Brasil e em algumas épocas do ano pode ser difícil encontrar coentro. Os supermercados costumam deixar salsa (salsinha) na mesma prateleira. Mas se você não encontrar coentro, use apenas a cebolinha.

Coentro é coentro! Salsa é salsa! Nessa receita não use salsa, use coentro!

Obs. 2. Caso você não tenha corante de urucum: Existem vários substitutos para o corante de urucum que podem dar uma cor ao seu arroz, como açafrão, páprica doce, etc. Mas todos eles têm sabor muito intenso e característico. Então, se você não encontrar corante de urucum, não use nada para substituir. Deixe o arroz ficar branco e  com o sabor da carne de sol.

Agora adicione os temperos à panela:

Adicione também 2 xícaras de arroz agulhinha (sem lavar):

Obs.: Arroz parboilizado fica mais solto, mas o agulhinha tem mais sabor de roça e combina muito mais com esse prato.

Mexa bem para misturar os temperos e o azeite ao arroz, isso vai deixá-lo mais solto.

Agora adicione 4 xícaras de água fervente (o dobro da quantidade de arroz):

Agora é a hora de experimentar o sal.  Prove esse caldinho, se for preciso adicione mais sal, mexa e prove novamente.

Pode mexer bem o arroz para soltar os grãos do fundo da panela e liberar um pouco do amido que vai deixar o arroz mais “coladinho”.

Logo que a mistura começar a ferver, abaixe o fogo (bem baixinho mesmo) e conte 20 minutos com a panela tampada.

Obs: Se a chama não estiver baixa, a mistura vai ferver com a panela tampada e irá transbordar.

Pronto! Exatamente 20 minutos depois, apague o fogo mesmo que o arroz não esteja seco e completamente cozido. Mantenha a panela tampada por pelo menos 10 minutos, pois o arroz continua cozinhando mesmo com fogo apagado. Esse é o segredo do ponto do arroz. Ele vai sugar a umidade restante, terminar o cozimento e ficará mais solto.

Farofa de cuzcuz com carne de sol

Faça um cuzcuz com 1½ xícara de flocos de milho, não use polvilho ou goma, pois queremos que fique bem solto (em breve farei um post sobre como fazer um cuzcuz, eu juro!).

Refogue a carne desfiada com 1 dente de alho e 2 colheres de azeite.

Pode refogar bem, até a carne secar um pouco.  Só tome cuidado para não queimar o alho senão pode ficar amargo.

Adicione ½ cebola picada.

E mexa até dourar.

Hora de adicionar o cuzcuz…

…e mexer bem.

Obs.: Uma boa paçoca é feita em um pilão de madeira,amassando a carne de sol frita e farinha de mandioca para misturar os sabores. No nosso caso, quanto mais você amassar a carne ao cuzcuz, mais ela vai transferir o sabor.

Acerte o sal, se precisar.

Pronto!

Carne de sol frita na manteiga

Pegue aquela carne cozida que você reservou para fritar.

Corte em fatias finas (se quiser uma carne mais crocante e seca) ou cubinhos (se quiser mais macia).

Em uma frigideira, derreta 1 colher de manteiga (se não tiver manteiga, use ½ colher de margarina e 1 colher de azeite, mas o sabor não será o mesmo).

Obs.: Se você tiver manteira de garrafa, melhor ainda bixim!

Frite as fatias de carne dos dois lados, e não se preocupe muito com o ponto, pois a carne já foi cozida, então ela vai ficar boa de qualquer jeito. Basta dourar e pronto!

Agora é só montar o prato! Essa receita requer um nível um pouco avançado de preparo, pois são 4 receitas em uma. O grande desafio aqui é tentar fazer tudo ao mesmo tempo pra conseguir servir tudo fresquinho e quente. Mas se você seguir esses passos tudo dará certo e na segunda vez que fizer, pode tentar fazer etapas em paralelo.

Vai muito bem acompanhado de uma cerveja gelada!

Dúvidas? É só comentar o post!

Espero que gostem!

Nota do autor: Essa é a primeira receita que escrevo e sei que não ficou bem escrita. Descobri que escrever receitas para internet é mais difícil que parece, pois você tem que pensar em todos os detalhes, as possíveis dúvidas e as várias maneiras que o brasileiro tem de falar os nomes dos ingredientes. Mas aos poucos vou melhorar e escrever mais detalhado ainda. E quando a timidez deixar, farei posts em video. :-) Abraços, e vamos em frente!!!

5 Respostas para “Carne de Sol arretada!

    • Obrigado Aila,

      Estou com o blog um pouco parado pois estou participando do Masterchef, mas em breve estarei de volta com mais receitas. Aproveita e curte lá a minha página pra acompanhar o programa: fb.com/luismasterchef
      Abs!

      Luis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s